domingo, 14 de novembro de 2010

Amor

Imagem coletada do Google Imagens
Quero gravar o som da tua risada.
Beber teu beijo na madrugada,
e tatuar no peito o teu nome.

Quero no dia-a-dia de nossa jornada,
Adocicar teus passos, ser namorada,
E viver no cheiro desse perfume.

“Antes que o amanhã me chame”,

E me ausente de tua morada.

 
  
Edith Lobato

3 comentários:

  1. Partilhar os sentidos que devoram a mente e percorrem a pele.

    ResponderExcluir
  2. Prazer imenso reve-la Edith, tuas inspirações continuam meditativas, quem dera o ser humano se conscientizasse que o que levamos dessa vida são os gestos brandos e suaves, ads palvras amenas e doces e os sentimentos ternos e afetivos. Enfim em nossa bagagem só deveria permanecer sentimentos do mais puro, verdadeiro e sincero amor.
    Teu blog com essas rosas caindo nos faz sentir o perfume delas e da tua poesia. Ta lindo o layout. Sei que ando um tanto sumida, estive por aqui deixei recado mas, notei que você também andava...
    Com o meu sumuço muitos se afastaram... Faz parte...?
    Fico triste mas,
    Os desencontros também fazem parte da nossa caminhada, mas vez ou outra nos cruzamos novamente, porque é assim que tem que ser...
    Beijos com ternura,
    Jady
    Fiquei feliz com a tua presença!

    ResponderExcluir
  3. Reli meu comentário e voltei pra pedir desculpas pelos erros de digitação,
    Desejo pra ti uma linda e feliz semana.
    Mais beijos e meu carinho sempre.
    Jady

    ResponderExcluir

Muito obrigada por deixar registrado em, Matizes da Alma, sua visita e sua opinião. Receba meu carinho.